CORPUS CHRISTI DE CASTELO NÃO TERÁ CONFECÇÃO DE TAPETES

A festa, que este ano acontecerá no dia 11 de junho, será celebrada apenas com programação religiosa, que ainda será definida e divulgada pela Paróquia Nossa Senhora da Penha, realizadora do evento.

Compartilhe:

Por conta da pandemia do novo coronavírus e da recomendação para que as pessoas não façam aglomerações, não haverá a tradicional confecção dos tapetes na festa de “Corpus Christi de Castelo”.

A festa, que este ano acontecerá no dia 11 de junho, será celebrada apenas com programação religiosa, que ainda será definida e divulgada pela Paróquia Nossa Senhora da Penha, realizadora do evento.

“A confecção dos tapetes está cancelada, mas as missas a princípio vamos ter e a procissão, se houver liberação. Temos que aguardar a evolução da doença”, explicou o pároco, Frei Antônio Rabanal Bueno.

Segundo o Secretário Municipal de Turismo e Cultura, Fabiano Davel, este ano a programação turística e cultural que acontece paralela ao evento também não acontecerá. Essa é mais uma medida para evitar a propagação do vírus no município”.

Fruto da fé e do trabalho de quase 3 mil voluntários, o evento chega a atrair 70 mil pessoas todos os anos para ver a arte da confecção dos tapetes, que somam um quilômetro e meio pelas ruas centrais da cidade. A festa é considerada uma das mais belas festas religiosas do Espírito Santo.

 

Compartilhe:

Notícias relacionadas

  • Selo Turista Consciente & Ambiente Responsável

  • Setur participa da elaboração do plano de retomada do turismo nas Montanhas Capixabas